Cohab Campinas lança Banco de Áreas para fomentar habitação popular

A Cohab Campinas desenvolveu um sistema, no site da empresa, para cadastro e oferta de áreas disponíveis para implantação de projetos habitacionais de interesse social. A plataforma, chamada de Banco de Áreas, foi anunciada nesta quinta-feira, 17 de junho, pelo prefeito Dário Saadi, que destacou o alcance social da iniciativa, idealizada para beneficiar as pessoas que estão na fila da casa própria. O sistema foi apresentado pelo diretor técnico de Empreendimentos Sociais da Cohab, Pedro Leone Luporini dos Santos, que destacou a praticidade de utilização da ferramenta. “A plataforma é de fácil acesso e auto-explicativa e foi criada para facilitar o contato entre compradores e interessados em comprar áreas para projetos habitacionais de interesse social”-disse.

 O projeto inovador nasce com a perspectiva de alavancar a oferta de imóveis a custos mais acessíveis para famílias de baixa rendas e atrair empreendedores interessados em investir em projetos habitacionais sociais em Campinas. O sistema permite que proprietários de áreas urbanas no município, ou seus representantes, ofereçam áreas a partir de dois mil metros quadrados para aquisição de empreendedores, incorporadoras ou construtoras de projetos habitacionais destinados a atender famílias de baixa renda. 

A ferramenta está disponível na página inicial do site da Cohab (www.cohabcp.com.br), na aba Banco de Áreas. Tanto o cadastro como a consulta da área são gratuitos. A Companhia de Habitação de Campinas não interfere na negociação e nem cobra qualquer valor de nenhuma das partes por esse serviço.

O presidente da Cohab, Arly de Lara Romêo, ressalta que não há cobrança pelo uso da ferramenta porque o objetivo da empresa é contribuir para a aproximação de proprietários e empreendedores. “Nossa intenção, com a criação do Banco de Áreas, é reduzir o déficit habitacional do município, principalmente o que se refere às classes com renda familiar de um a três salários mínimos. Nossos contatos com incorporadoras, inclusive de outras localidades, demonstraram que os empreendedores sabem da demanda por habitações populares em Campinas, mas encontram dificuldades em acessar ou conhecer áreas disponíveis para abrigar projetos habitacionais. O Banco da Áreas veio para facilitar esta aproximação dos possíveis compradores com os proprietários dos terrenos” concluiu.

Criatividade e inovação

Dário Saadi destacou que a iniciativa da Cohab cumpre o papel do poder público ao facilitar e ampliar a oferta de imóveis a preços mais acessíveis às famílias de baixa renda que estão na fila para adquirir a casa própria há muito tempo. “É um projeto inovador e fundamental para a retomada da economia e do bem-estar da população, já tão afetada por esta pandemia. Nossa administração se empenha em proporcionar um futuro mais promissor para os campineiros e a Cohab está cumprindo seu papel social ao tornar mais acessível o sonho da casa própria”.

 Fotos A.Oliveira